sábado, 15 de agosto de 2009

Palacsinta - Hungarian crepes





Hungarian palacsinta são crepes fininhos como papel, que podem ser servidos, enrolados ou dobrados em triângulos, recheados com geleia, com queijo cottage, ou simplesmente polvilhadas com açúcar fino e cacau em pó.
Palacsinta são similares aos crepes franceses, nalesniki poloneses, palachinke na Servia & Croácia e as panquecas no Brasil e também Argentina, onde são servidas com doce de leite.
As palacsintas doces também podem ser transformadas em rakott palacsinta, ou seja, um bolo feito com as palacsintas empilhadas intercaladas com recheio e servido com algum tipo de creme ou calda. Sorvete de baunilha e cerejas ao marraschino podem ser o plus na montagem do prato.
Tem também a versão salgada, que em húngaro e palacsinta teszta hushoz, estas recheadas com ovos mexidos com cogumelos, carnes em molho cremoso, frutos do mar e com vegetais.

Estas, que fiz bem simplesinhas para um café da manha mais tardio de fim de semana, e usei para recheio a compota de damascos que já tinha pronta.

Hungarian Palacsinta
Ingredientes:
3 ovos grandes, batidos
1 xic. de leite integral
1/3 xíc. de club soda
1/3 xic. de agua
1 1/4 de farinha de trigo
1 col. (sopa) de açúcar
1/2 col. (chá) de sal
1 col. (chá) de extrato puro de baunilha - ou raspas de meia fava
2 col. (sopa) de manteiga
Preparo:
Numa tigela, combine bem os ovos, leite, club soda e agua. Misture a farinha, açúcar, sal e baunilha, mexendo bem ate obter uma massa lisa.

Aqueça uma frigideira (usei uma de 20cm), unte com manteiga. Com uma concha coloque porção da massa em quantidade para forrar o fundo da frigideira - rodando a frigideira se consegue espalhar bem a massa de maneira uniforme e espessura fina. Cozinhe em torno de 2 min. de um lado, vire o 'crepe' e cozinhe mais 1 1/2min. Devem ficar só levemente douradas . Repetir o processo ate terminar a massa. (rendeu 16)

Budapest unida pelo lindo e calmo Danúbio
Foto de 17 Maio/2009 - arquivo pessoal

13 comentários:

Mari disse...

Amada, mas isso aqui deve ser uma tentação!!! Eu, que sou verdadeira adoradora de panquecas e crepes, ia me esbaldar com essas palacsintas!!! Com uma compota (ou geléia) de damasco então, hummmm, tem coisa melhor?
Beijo grande, e mta saudade

Mari

Rose disse...

Olá Odete!
Adoro crepes, hum e esses estão divinos...e esse espetinho de frango abaixo? Menina me deu fome, rss...beijinhos e ótima semana:)

Goreti disse...

Quer dizer que a velha e boa panqueca arrasa tbm na culinária húngara!

Beijos!!!

Gina disse...

Odete, seus crepes ficaram finíssimos. Ótima sugestão e gostei dos dados sobre o bolo também.
Bjs.

Carol disse...

Hummm, esse crepe parece estar mega macio, que delicia. Grande beijo

Iliane disse...

miga ..amei seus doces crpes macios e lindos!ah..se tivesse ai pertinho queria só um!!para saciar a vontade..bjus..bom começo de semana..li

angela disse...

crepe e geleida de damasco, tudo de bom, amei a foto com o rio danubio. bjs

Tânia Saj disse...

Ficaram lindas. Reparei que na sua receita tem um ingrediente que nunca usei nas minhas receitas de panquecas: club soda. Devem deixa-las mais leves, não?
Linda foto do Danúbio!!
Beijinhos

Marcia disse...

Odete, o segredo destes fininhos é o club soda?
Manda um pouco da geleia e pode mandar tambem os blackberries... vou fazer estes crepes.
Budapest é muito musical também, ns pontes sempre algumas pessoas tocando... muito gostoso.
Beijo

inspirações da Jô disse...

Minha Querida Odete,
Crepes são mesmo divinos, e você mais uma vez arrasando com essa delícia!!!!!!!!
Essa imagem de Budapeste é mesmo encantadora!!!!!!!!Linda paisagem!!!!!!!!!!
Beijos!!!!!!!

Odete disse...

Tania e Marcia, sim club soda faz ficarem levinhas, acho que funcion com fermento. Se pudesse mandava as berries sim.

beijos

Mátéfi disse...

Oi!

A panqueca é uma excelente vaca requeijão enchimento.
Preparação do recheio:
- 0,5 kg vaca requeijão
- 1 ovo amarelo
- 1 limão ralado peles
- 2 colheres de açúcar
- 2 colher de creme azedo

eles devem ser misturados e as panquecas feitas de um lado e, em seguida, embrulhe a forma de cilindro (o enchimento interior)

Apreciar!

Parabéns, belo blog!

Mátéfi Gyula, Hungria
matefigyula@gmail.com

Luan disse...

Ahh eu vou fazer essa receita é hoje mesmo! Eu preciso de alguma coisa pra relembrar minha querida hungria... se você souber receitas de mézeskalács, paprikaskrumpli ou gulyás, por favor poste!!
és köszönöm szépen pela receita, rs :)
puszii